segunda-feira, 23 de junho de 2008

DIONYSOS

DOIS SÁTIROS_PETER PAUL RUBENS, 1618-19
Entre as àrvores escuras e caladas
O céu vermelho arde,
E nascido da secreta cor da tarde
Dionysos passa na poeira das estradas.

A abundância dos frutos de Setembro
Habita a sua face e cada membro
Tem essa perfeição vermelha e plena,
Essa glória ardente e serena
Que distinguem os deuses dos mortais.

Sophia de Mello Breyner Andresen

11 comentários:

mariam disse...

...ainda falta um pouco para as uvas de Setembro, deixemos estar sossegado o Deus do Vinho e da Folia, por ora, aproveitemos as "benditas" cerejas...

boa semana
um sorriso :)

Mariz disse...

Como vê a Mariam foi da minha opinião...embora mais "benditamente acerejada".
Mais um comentário para ser retirado....vá lá!
MAriz

VEU DE MAYA disse...

Dyonisos{mitlogia grega].Sugiro à Miriam e à Mariz que pesquisem o êxtase dionisíaco das festas báquicas de S.João para não se agarrarem a datas. Sophia de Mello...fala dos cortejos de Setembro mas eles tinham lugar desde a Grécia à India, durante todo o ano. Eu gosto muito da alegria báquica do S. João que na componente pagâ incarna o politeismo associado a DYonisos. E Hoje é dia de S.João.

A oportunidade do post é da minha responsabilidade...Podem não concordar..-mas apresentem razões de fundo e não caiam imediatamente no que parece óbvio mas não é. RESPONDO PELAS MINHAS ESCOLHAS.

Quando comento um post qualquer em qualquer blog nunca tive nem tenho nem terei a pretensão de dizer como deve ser...
Comentários moralistas de quem me quer dizer como devo fazer ou o que devo esperar dispenso... e não terei qualquer interesse em conservá-los no meu blog. PREFIRO ATÉ QUE NÃO E COMENTEM.

:=

:=

:)

VEU DE MAYA disse...

CORRIJO:

PREFIRO ATÉ QUE NÃO COMENTEM.

um Ar de disse...

Não sei que dizer...
.
Já tentei vários comentários e desisti.
.
O poema é tão intemporal... que interessa se é Junho ou Setembro?
Importa a "festa"! Importa perceber esse teu fascínio pelo que é dionisíaco!
.
Importa perceber-te...
Importa a diferença...
Se procurássemos os nossos espelhos, não "cultivávamos" blogs...
Olhávamo-nos nos que temos em casa...
Isso é que importa, não é?
.
Lamento estas "polémicas", assim.
.
[Beijo....@]

mariam disse...

mas... Eu, até gostei! e muito! aliás, adoro os escritos de Sophia M.B. Andresen...
e gosto de vir aqui, como já referi várias vezes...
apenas lhe quis fazer uma "picardia" com as cerejas, que de resto, adoro também! (vide meu coment no post infra).

boa semana
um sorriso (enorme) :)

mdsol disse...

Ora bem: hesitei se devia dizer...mas aí vai...
compreendo-o veu de maya. Acontece-me às vezes o mesmo... o post tem meandros que ao próprio dizem respeito. Cada um, depois, lê de acordo com os seus quadros de referência e o empenhamento que quer colocar na leitura. Como nunca aqui vi sequer uma "proposta" de metodologia de leitura... logo...cada um lê com as lentes que tem e quer usar...mas, a liberdade de "postar", de editar os posts (ainda) é do autor!
Penso eu DE que...e como não sou de .....ia, se calhar nem existo rsrsrsr
A Sofia além de clara, linda, delicada ... é intemporal..
:))

Mariz disse...

Véu de Maya! Pelo que tenho comentado e pelo que venho lendo aqui no seu blog, NINGUÈM eu inclusive lhe fez algum reparo de boa ou má escolha de pots, ou até de reparos...se bem ou mal aceites...esse ressabiamento todo vem a propósito de quê? eu até acho piada estas interacções...sabe porquê? Repare só: todos os comentadores só dizem maravilhas uns dos outros. Que gostam de tudo, passam apenas para deixar beijos e abraços, só para terem algo para escrever...criou-se um hábito. Normalmente eu comento o que leio e pelo que leio tenho a liberdade de dizer o que me parece...ou não? Tal como o Luis teve o seu tempo de antena também e disse o que lhe apeteceu...as pessoas ou têm estaleca ou traquejo para aceitarem sem melindres e revanches o que lêm dos outros, - já que vc é o próprio a dizer que "as máscaras têm o direito de se manifestarem e usarem de liberdade" - e que não servem senão a mente que é quase sempre frágil, ao contrário do que possa parecer e a priva está á vista, portanto, sem consistência; ou então, as mesmas pessoas devem armam-se de um escudo tal que ñada nem ninguém as perturbe - o que é o meu caso...porque a minha solidez, advém-me do carácter, como é lógico e da consciência das coisas e depois...das duas 1: ou se dá a mão á palmatória, e coloca-se uma pera no assunto e se esquece, por não ter peso...ou caso não, é escusado andar-se com birrinhas de dizes tu, direi eu, ora ponho aqui o teu blog no meu espaço, ora tiro o blog do espaço...mas que coisa tão sem nexo, não acha?
A sensatez não deveria servir apenas para as retóricas de literatura do deus do vinho, mas essencialmente sermos sempre iguais a nós próprios mesmo que engulamos de quando em vez uns tantos sapos vivos. As tácticas não devem mudar, sempre que somos assolados de ânsias para fétiches...mas a mais, quando existe a tal responsabilidade acrescida, que a gente tão bem sabe! É isto apenas que o Luis não consegue engolir, porque a sua imagem mesmo que a evidencie aos ete ventos como sendo uma máscara se calhar de Veneza, até essa ficou nublada...e esta é que é a VERDADE! e não outra! E isto não são os moralismpos, porque venho apresentando factos REAIS...o Luis, como sabe das coisas e parafraseando a Maria José Nogueira PInto: "EU SEI QUE O SR. SABE AQUILO QUE EU SEI"! - penso até que se fosse a si emetia-me ao silêncio que é coisa que sabe fazer e com alguma deselegância aqui. empre me ensinaram que algo que nos fosse dirigido everia ter sempre resposta, mesmo que estivessemos maçados com algo, ou cheios de trabalho. MAs há sempre algo que nos escapa dentro da delicadeza.Mais uma VERDADE que vai ter rol de moralista ou doutrinária...quando se coloca algum Conhecimento na escrita que n
aop o conhecimento dos livros da Universidade...ou seja da instrucção que em nada serve o outro lado que ascende...se ascender!
Paciência! O que é que se há-de fazer...ninguém é perfeito... e quando há alguém que descobre as nossas fraquezas...pior um pouco e a+i nos chama a atenção, não para seguir o com caminho porque ninguém anda a professar voros para monjes, mas porque ~pensaram que a postura e atitude eram sempre iguais...

O que está em causa aqui, é o Luis NÃO SE ASSUMIR E DAÍ...todo o seu RESSABIAMENTO...mas não consigo...mas sim, sonsigo próprio por se ter deixado apanhar...nas curvas!...do Olimpo!
E espero que de uma vez por todas se deixe de vitimações atirando para os outros as culpas...e retirando o team de campo...porque aqui não há culpa de ambos os lados...ainda não reparou..o Luis é que deve estar gabituado a ser a única pessoa a dizer como é que se deve agor e não seres outros a tomarem a dianteira, não é? Não é isso que o irrita, Luis? Olhe...só encontro um ditado para isto: "quem não quer lobo, não lhe veste a pele"!..Ao contrário de si, não tenho medo de nada...nem das palavras que me dirigem...porque é sempre bom ser coerente connosco próprios e assim, a verdade estar do nosso lado, tal como o carácter e a honra, que fazem também parte de nós.
Creia que continuo a ter muito prazer em o conhecer e a continuar a vir cá, sempre que me der na bolha, porque não me parece que alguma vez fosse ofensiva ou injusta...porque os factos falam por si e nós os dois sabemos disso muito bem...escusado seria colocar a MAriam ao barulho..eu..NUNCA FUI MAL EDUCADA, NEM LHE INDIQUEI SEQUER O QUE DEVE OU NÂO POSTAR...isso são malabarismos palacianos que vc inventou para tapar o sol com a peneira! NÃO EXISTE AQUI NO SEU POST AGORA NEM NUNCA DESDE QUE O CONHEÇO, ALGO MENOS PRÓPRIO, DECENTE, ELEVADO; POORTANTO, ESCUADO É COMENTAR...O INJUSTIICÁVEL
Fique bem e sem birras!
Mas...até gosto de si, verdade! vá lá...quer levantar-se daí e dar-me um abraço?! Ou prefere fcar com esse fel na boca o resto da vida?Então? Acabe lá com esse mau feitio que nºao o leva a lado algum! e... ponto final na questão!
Para mim...é pão com manteiga...sempre.

Mariz

ESPAVO!

Mariz disse...

Peço desculpa pelas gralhas mas nâo há corrector e eu esborracho umas, não carrego o suficiente noutras, e assim vou andando numa velocidade vertiginosa, pior que turbo - quase nem olho para o teclado...é por isso que se lêm depois, estes tratados de literatura.(?) Ah! esqueci-me de dizer, que gosto imennnnnnnnso, da Sophia, porque a conheci como mãe e mulher - na altura ainda era uma miúda mas já lia coisas dela...fui muito próxima de famliares dela Colégio de S.José, no 6º e 7º ano na altura - hoje 10º e 11º. Éramos terríveis, mas jogávmos muito bem volley ball e chegámos a ser campeãs nacionais, com a Conceição Pocer de Andrade como capitã de equipa, que hoje, todos conhecem.Belos tempos. Mais tarde fui dar de caras no teatro com o Nicolau que é familiar também e um grande maluco!
Adeus Luis..vá lá apague tudo isto Foi conversa mole para o pôr mais bem disposto! (mais bem? soua-me mal...isto diz-se)?

Mariz

Mariz disse...

"Soa-me mal...isto diz-se?" - queria eu escrever...
Que horror...

heretico disse...

os Sátiros andam
à solta. por aqui. nota-se. "arrasando"... eheheh

abraços