segunda-feira, 27 de outubro de 2008

QUADRAS POPULARES

JOVEM A EMPOAR-SE_GEORGES SEURAT
[Dedicado à minha mãezinha]

*
Dá-me um beijo moreninha
Darei-te a paga dobrada
Quem pede um beijo dá dois
Não lhe fica a dever nada

Não lhe fica a dever nada
Nada lhe fica a dever
Dá-me um beijo moreninha
Serás minha até morrer

*
Maria da Graça é uma
Cachopa de olhos em brasa
Vive sozinha e não fuma
Mas tem cinzeiros em casa
*
Quem tem janelas de vidro
Não pode atirar pedradas
Eu fui atirar às vossas
E achei as minhas quebradas
Tradição Popular



14 comentários:

tossan disse...

E viva a tradição popular. Ótima postagem Bj

noel disse...

hello
you interested in linking my blog
http://pescaenourense.blogspot.com/
If you are interested in adding me and
put me a message or send me an email so that you add me

heretico disse...

gosto da Maria da Graça. de olhos em brasa. e com cinzeiros em casa...

um povo de poetas! é o que somos...

abraços

isabelle dias ~ disse...

Tradição Popular, arte aos olhos de quem vê...
Imagem tão graciosa essa.

Beijinhos :*

•.¸¸.ஐBruneLLa Wyvern disse...

Adorei as quadras, qse pude ver as meninas com as saias nas mãos, no ritmo dos trovadores!
beijos e borboleteios!

Zé Camões disse...

Deixe-me dizer-lhe que tem um optimo espaço. São tantos os seus encantos, que prometo visitas regulares.
Cumprimentos.
P.s- passe no meu.

Cleo disse...

Que lindo!
Isso é cultura. Bravo prá você.
Beijos não fico devendo, cá estão os meus. dobrados.
Imagem belíssima.
Cleo

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querido Amigo, belo poema dertro da tradição popular... Mas muitíssimo belo...Beijinhos de carinho,
Fernandinha

JPD disse...

Conhecerás certamente as quadras do António Aleixo.

Estas não lhe ficam atrás.
Um abraço

Véu de Maya disse...

Mãe querida!

Para ti que já estás muito frágil todo o meu amor e carinho...

Véu de Maya disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
mariam disse...

Luis,
Gostei!
e gostei também da querida dedicatória.

sorrisos :)

mariam

Clara disse...

Que quadras mais lindissimas! Adoro o quadro!

Beijinhos

EternaApaixonada disse...

Outro momento de ternura!
Que Deus abençoe o querido poeta e sua mãezinha!
Beijos