quinta-feira, 4 de setembro de 2008

É BEM POSSÍVEL

O ESPELHO FALSO_RENÉ MAGRITTE

É bem possível que só eu exista
Na redoma deste mundo
E o resto seja aparição já vista
Ou má pintura de cenário sem fundo

Assim se explicaria não ter eco
A parede sonora que inventei
Nem me reconhecer no rastro seco
Dos gestos e palavras que amei

Duvido
que me seja evidente o ser que sou
Porém pensar em ti é ter seguro
Outro Universo inteiro onde não estou

POEMA DE JOÃO MARTIM





18 comentários:

Véu de Maya disse...

Querido primo-pintor de raíz e poeta na inspiração-faço-te esta pequena surpresa de publicar no meu blogue, este teu pequeno poema que enta tão bem no seu clima poético-filosófico ...

xi-coração

Véu de Maya disse...

errata:
...que entra tão bem...

mdsol disse...

E eu a ler...e a gostar, mas sem saber...comentar!
:))

heretico disse...

li, reli... e gostei muito.

invejável poema.

abraços

JPD disse...

Aplaudo esta iniciativa de editares belos textos de praticantes de blogosfera, Véu.

Um abraço

Safira disse...

Olá!

Passei-me por entre a poética deste blog e constatei o bom gosto e o tacto das escolhas , assim como das obras de pintores célebres. Parabéns!

Obrigada pela visita,

Safira

PS: Vou adicionar este link ao blog "Rosa Amarela"

Olga disse...

Véu de maya,

Tão bem escolhido!
E olha,eu sei que tu tb sabes mas garanto que ele não é aparição já vista nem má pintura em cenário algum!:-)
E sabes porquê?
Porque....

...Era a ele
Afinal
Lobo entre os lobos,
que os meus olhos procuravam
sem ver, que o horizonte longínquo
em prata reflectido no mar
cegava
e me diluía o azul

Era dele
que as ondas
e as gaivotas me falavam

Do peixe, do lobo, das algas,
do homem ora sarça ora seda,
do pássaro,
que o vento me segredava

Era ele
Afinal
Era ele
e existe
e é,em todos os ecos e sons
e palavras e universos
que torna magistrais
porque É!


Parabéns pelo teu Blog!
Parabéns pelo Primo,homem que é muito mais evidente do que ele mesmo se adivinha...e tu sabes!:-)Parabéns porque Sim!

Um abraço e um beijinho,
Olga

Rose disse...

Pois então está convidado a ficar mais apimentado ainda...Seja bem vindo ao meu espaço bem picante.
Um abraço bem sabor Brasil.

Mar Arável disse...

Que viva a poesia

porque os poetas

felizmente não resolvem problemas

mas têm o dever de os levantar

Trolha disse...

Desculpa, lá.
E se tentasses escrever algo teu?

Véu de Maya disse...

Trolha, obrigado pela visita. Se voltar a apareçer venha com mais tempo e atenção...há-se verificar que bastantes posts têm textos meus. Mas está a dar-me prazer publicar textos interessantes de outros[com a devida permissão]

Cumprimentos

Véu de Maya disse...

errata:

...há-de verificar que...

:)

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

O poema é lindo, vc disse quee stá cansado de fazer poemas, não? Mas não deixe de fazê-los, pois saem tão bonitos! Vc pode ir tranqüilamente apreciar o meu novo post no meu Blog, pois devido a problemas com essa joça desse computador, só fiz a crítica de um filme, mil vezes visto, que merece ser mil vezes visto de novo, e postei poemas. Conto com vc.
Um abraço,
Renata
wwwrenatacordeiro.blogspot.com

intimidades disse...

simplesmete lindo

vou ca voltar todos os dias

Jokas

Paula

um Ar de disse...

Gostei do poema do primo-pintor.
Também gostei da iniciativa...
...
... e obrigada, mesmo, pelos comentários animadores, lá no meu sítio.
... [Beijo] ...

João disse...

antes demais agradeço-te a façanha e colocares neste teu espaço um poema meu...lanças-me assim o desafio de colaborar mais contigo, até mesmo em imagens. A poesia diz aquilo que as vulgares palavras não dizem, por isso força primo-filósofo poeta da ética e da estética, vamos vamos vamos.....

intimidades disse...

Obrigada. Ainda BEM que gostaste vou fazer os possiveis para continuar a mostrar a beleza sensual de uma mulher. O blog e interactivo se quiseres contribuir e so enviar a tua contribuicao, a tua visao da sensualidade femenina para o mail que la esta.
adoro as cores, as imagens, e a poesia do teu blog

Jokas
paula

~pi disse...

outro primo, luís!? :)

ai...

fui ver, fui lá.

[ e eu com a casa cor de vinho

pra te mandar encerrada ainda na

má quina fotográ fica!!!!




beijo-xi-abraço :)




luci