quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

VARIAÇÔES EM RÉ MENOR

IDÍLIO_TAMARA DE LEMPICKA
[ouvir Amália Rodrigues-Que Deus me perdoe- barra de vídeo]

*
És o brilho nos olhos
E eu o véu que desfolha.
Tu és o desejo no corpo
E eu o amor que consola.
*
És a ingenuidade bonita
E eu a leveza da amora.
Tu és o encanto que mima
E eu o prazer que demora.
*
És a boémia do fado
E eu a guitarra que geme.
Tu és um encanto no Mundo
E eu um poço sem fundo.
*
És a rainha dos beijos
E eu o altar dos mimos.
Tu és a musa dos meus versos
E eu a harpa dos teus limbos.
*
És brisa na madrugada
E eu felicidade no Mundo.
Tu o céu numa estrela dourada
E eu o barco num rio profundo.



Véu de Maya

15 comentários:

EternaApaixonada disse...

*****

Quanta beleza amorosa, querido poeta!
Um mimo para corações apaixonados!
Uma página linda! Imagem perfeita, associada ao fado de Amália!
Um encanto que dá vontade de ficar... ficar... e sonhar!
Linda noite! Doces sonhos!
Beijos carinhosos

*****

Bandys disse...

Um belo poema. Generoso no amor, sensivel, lindo!!

És brisa na madrugada
E eu felicidade no Mundo.
Tu o céu numa estrela dourada
E eu o barco num rio profundo.

Muito lindo!!

beijos

Cidinha disse...

Que forma bela,leve,gostosa de falar do amor.

Abraço
Cidinha

Clara disse...

Luís,

estava a ler as tuas palavras e estava a ouvir uma melodia. Acho que este poema dava uma excelente letra para uma musica.


Beijinhos de bom fim-de-semana.

isis de la noche disse...

... PUES ES PERFECTA LA COMBINACIÓN!!!!

hermoso poema..

un beso..

João da Silva disse...

Luís, que delícia de versos, que tanto me emocionam! Você me fez lembrar Casimiro e outros, coevos, mas com um toque delicioso de atualidade.
Abraços fortes do seu fã, o João

Graça Pires disse...

Da sedução...
Um abraço.

mariam disse...

Luis,
que lindo poema! versa o amor duma forma tão pura...

gostei.

bom fim-de-semana
um abraço e um sorriso :)

mariam

Menina do Rio disse...

Quanta harmonia nestes versos! Enchem a alma só pela beleza!

Um beijinho pra ti

Eu sei que vou te amar disse...

Luís, poema de uma beleza unica, em que o amor se faz sentir!
A imagem de um gosto excelente.
Um beijo doce

•.¸¸.ஐBruneLLa Wyvern disse...

"a leveza da amora"
*-*
lindo!!!!!!!!!!!!

Véu, querido, obrigada pelo carinho com que recebeste meu romance!
Ainda não há meio de publicá-lo impresso... Mas um dia, acredito, ele chegará a tuas mãos assim!
Aguardo as tuas críticas!
beijos e borboleteios... com amor

Rosa Carvalho disse...

Véu de Maya,
Estou encantada com a paixão escrita nas frases do teu poema.
O amor se torna mais presente nos corações dos apaixonados.
É de pura sensibilidade suas palavras colocadas de forma tão sonhadora e ao mesmo tempo de forma tão real. Parabéns!!!!!
Adorei o seu comentário em meu blog
estou com outro blog também com uma amiga que também é psicóloga. Mas este é somente sobre infertilidade e reprodução humana, com tratamento psicológico. Depois se tiver um tempinho navegue por lá segue o endereço:
www.infertpsi.blogspot.com
bjs rosa

Vivian disse...

...que encanto de canto.

que lindo você!

muahhhhhh

heretico disse...

da delicadeza da vida amorosa...

muito bonito.

abraços

Luiz Caio disse...

Olá caro amigo!
Que belo poema! A sensibilidade é tudo!

TENHA UM ÓTIMO INICIO DE SEMANA!
UM ABRAÇO.