sábado, 29 de maio de 2010

ARTE E VERDADE EM NIETZSCHE.

A VIDA COLORIDA_KANDINSKY

*****

"Percebi realmente muito cedo a seriedade da relação entre arte e verdade: e ainda agora experimento um horror sagrado diante dessa dissensão.Meu primeiro livro foi dedicado a ela: O nascimento da tragédia acredita na arte sob o pano de fundo de uma outra crença: a de que não é possível viver com a verdade; a de que a "própria vontade de verdade" já é um sintoma de degradação...Nietzsche

A sentença soa monstruosa! Todavia, ainda que não perca o seu peso, ela perde a sua estranheza logo que é lida de forma correcta.Vontade de verdade significa aqui e sempre em Nietzsche o seguinte: a vontade do "mundo verdadeiro" no sentido de Platão e do cristianismo, a vontade do supra-sensível, do que é em si. A vontade de um tal "ser verdadeiro" é, com efeito, um dizer não ao nosso mundo aqui, ao mundo justamente no qual a arte está em sua terra natal. Já que esse mundo é o propriamente real e o único verdadeiro.Nietzsche pode esclarecer quanto à relação entre arte e verdade "que a arte tem mais valor do que a verdade"; isso significa: o sensível encontra-se numa posição mais elevada e é mais próprio do que o supra-sensível.Por isso Nietzsche diz" Nós temos a arte para não irmos ao fundo[para não perecermos] com a verdade"...Nietzsche, Martin Heidegger vol 1,Editorial Forense Universitária.

2 comentários:

ETERNA APAIXONADA disse...

..."Nós temos a arte para não irmos ao fundo[para não perecermos] com a verdade"...
Tão bom ler isso agora...
Muitos beijos com amor, poesia, flores e muita paixão!

Véu de Maya disse...

Sublime este pensamento de Nietzsche que tão delicadamente, destacou, minha querida eterna apaixonada...Muitos com flores e poesia pra vc.

Luigi