quinta-feira, 17 de novembro de 2011

LEVEZA

2 comentários:

heretico disse...

gostei de ouvir.
permito-me no entanto referir que a tua poesia em sua beleza é muito densa e requer muitas vezes sucessivas leituras.

abraço

isis de la noche disse...

A leveza do ar que uma vez foi fogo..

A leveza dos versos que chegam até nosso mundo, trazendo o aroma das esferas divinas..

Beijinhos!!

Gostei muito, muito!